Três elementos para a espiritualidade cristã

Resumo do livro: Uma Introdução à Espiritualidade Cristã.

Nesse artigo/resumo falaremos sobre os três elementos principais do cristianismo que definem a espiritualidade cristã.

Introdução: O que é espiritualidade

É difícil ter uma definição específica para o tema espiritualidade, por causa da variedade de sentidos com que é aplicada e por causa das controvérsias dos estudiosos especializados sobre esse tema.
Espiritualidade é algo pessoal é a maneira de ver as coisas e vive-las é uma experiência diária  que se mostra nas atitudes para com o próximo. A marca da espiritualidade é o amor que se desdobra em atitudes e ele autentica a presença de Deus.
A palavra espiritualidade está baseada na palavra hebraica ruach e esse termo é traduzido por espírito, vento, fôlego e essa palavra o sentido de animar uma pessoa de impulsiona la de sustenta la nos levando a refletir que espiritualidade é algo prático e dinâmico.

Espiritualidade é a pratica na vida real da fé religiosa de uma pessoa, envolve o que a pessoa crê e como ela exercita essa sua crença na sua vida diária.
No livro uma introdução à espiritualidade cristã o autor (Aliester E. McGrath, pg 20), traz a seguinte definição “Espiritualidade refere-se à busca por uma vida religiosa autêntica e satisfatória, envolvendo a união de idéias específicas de determinada religião com toda a experiência de vida baseada em e dentro do âmbito dessa religião.”
Devido ao materialismo e a crescente valorização aos bens materiais nos últimos anos tem crescido o interesse pelo estudo geral da espiritualidade.
Segundo inúmeras evidências a espiritualidade pessoal tem efeito terapêutico positivo sobre os indivíduos.
Esse processo de espiritualidade não é fácil e não ocorre de uma hora para outra é demorado e dura a vida toda, o processo se inicia quando homens e mulheres se lançam no caminho do discipulado com Cristo.
A espiritualidade ao longo da história da igreja cristã trouxe benefícios e renovação para o povo de Deus e ela gera pessoas motivadas a buscarem uma vida de transformação e santidade e faz a igreja buscar o fervor que se perdeu durante a caminhada.
No cristianismo espiritualidade significa viver um encontro real e pessoal com Jesus Cristo e experimentar sua presença diariamente através das praticas devocionais onde somos supridos quando nos aprofundamos na experiência com Deus.
Agora falarei sobre os três elementos principais do cristianismo que definem a espiritualidade cristã

Um grupo de crença

Crença é tudo aquilo que uma pessoa acredita como sendo a verdade absoluta sobre algo específico.
Para essa pessoa essa “crença” passará a ditar as regras sobre uma situação e influenciará a sua experiência.
Embora o cristianismo seja uma religião complexa e diversificada, e mesmo existindo diferenças entre os cristãos sobre as diversas questões doutrinárias existe um grupo de crenças em comum por trás dessas diferentes diversidades.
Essas crenças estão expressas nos credos do cristianismo e são aceitos como declarações de fé por todas as principais igrejas cristãs.
E essas crenças influenciam diretamente como os cristãos vivem, e elas fazem parte da espiritualidade.

Algumas crenças do cristianismo são:

Religião centrada na vida e nos ensinamento de Jesus.
Acredita essencialmente em Jesus como Cristo, Filho de Deus.
Jesus como Senhor e salvador.
Crer em Jesus como o messias profetizado no Antigo Testamento.
Maior parte das denominações ensina que Jesus irá retornar para julgar todos os seres humanos, vivos e mortos, e conceder a imortalidade aos seus seguidores.
A remissão dos pecados é possível através do batismo.
Mas cada seguimento do cristianismo vai desenvolver suas próprias crenças e de que modo se comportarão como instituição.

Um grupo de valores

São os elementos que qualificam nossas atitudes como cristãos, refletindo nossa experiência espiritual.
O que marca o cristianismo é a ética de seus seguidores, porque o cristianismo se caracteriza por valorizar e imitar os valores de Jesus Cristo e esses valores estão relacionados com o seu caráter.
Não adianta viver um cristianismo mecânico, obedecendo somente a um monte de regras, mas sim é necessário buscar e mostrar diariamente o caráter de Jesus Cristo refletido através da vida daqueles que o segue.

E alguns valores são : Amor, vida de renúncia, verdade, compaixão, etc…

O mundo quando olha para o cristão espiritual, ou seja, aquele que vive uma vida autêntica e verdadeira com Cristo observa que ele tem algo especial, pois nele manifesta os valores que o identifica com Jesus cristo.
O interessante de tudo isso é que quanto mais caminharmos dia a dia com alguém, mais assimilaremos seu caráter, seu modo de ver as coisas, sua maneira de agir e isso se aplica na vida cristã, quando mais andarmos e tivermos intimidade com Jesus Cristo mais assimilaremos e manifestaremos seus valores.

Um modo de vida

É quando colocamos em prática nossas crenças e valores, nossa vida diária tem que refletir o brilho de Jesus Cristo.
Nossa vida cristã é o reflexo das nossas crenças e de nossos valores, por isso há uma enorme variedade de como o cristianismo se expressa, refletindo diferenças de cultura, tradição, geografia, teologia, etc…, por isso a espiritualidade cristã é muito diversificada e complexa.
Jesus nos ensinou que não adianta apenas nós conhecermos sobre os valores, mas que é necessário coloca-los em prática, ele ensinou com seu exemplo de vida.
A vida de Jesus Cristo inspirava outras pessoas, seu amor incondicional manifestava a graça de Deus, e esse é o maior exemplo de espiritualidade, que se externou em amor, renúncia e serviço ao próximo.
A espiritualidade tem que ter o objetivo de ajudar ao próximo, senão não serve pra nada.
Nosso modo de vida também é influenciada pela cultura onde vivemos, pela tradição que seguimos, pela geografia onde estamos situados e pela teologia na qual praticamos.

Conclusão

Com essa minha breve reflexão eu quis apresentar que todos nós temos uma espiritualidade, e que essa espiritualidade é influenciada por uma série de fatores, e que esse fatores fazem a espiritualidade cristã ser muito diversificada.
A espiritualidade é prática e deve ser externada em amor, refletindo no dia a dia os valores de Jesus Cristo.

TeologiaOnline

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:
Autor: McGrath, Aliester E.
Titulo do original: Christian spirituality : an introduction, 1999
Blackwell Publishinh Ltda.
Tradução: Willian Lane; [prefácio à edição brasileira Osmar Ludovico da Silva]
São Paulo
Editora: Vida Nova, 2008
Publicado no Brasil com a devida autorização e com todos os direitos reservados por Editora Vida
Páginas consultadas: 11-23